terça-feira, 28 de outubro de 2008

Inexistência

Hoje, eu não existo! Decretei que não existo. Por hoje, só quero SER na inexistência. Caminhando de teimosa... sem estar presa ao chão!

ɱαгЇS

Um comentário:

LUCAS DE OLIVEIRA disse...

"ser ou não ser, é mero detalhe."